sexta-feira, 10 de julho de 2009

X Orkontro Virtual da Comunidade!!


Aviso aos queridos membros da Comunidade Lygia Fagundes Telles do Orkut:

X Orkontro Virtual da Comunidade!!

Pauta: O DISCURSO DE POSSE NA ABL(que segue em tópico específico no fórum da Comunidade)

Dia: 12/07/2009 Domingo.
Horas: Às 11 hs. da manhã
Msn: comunidadelft@hotmail.com (Atenção que o msn agora é este - Especificando:Orkontro Comunidade Lygia Fagundes Telles)

Contamos com sua presença que é fundamental!!!

Abraço grande e até lá!!

***Aos que nunca foram a nenhum, informamos que é sempre divertidíssimo!!! Pelo menos vcs tem a garantia de um bom papo e ótimas risadas!

4 comentários:

gisela disse...

ola, sou muito fã da lygia e queria me dar de presente de aniversario mandar um texto meu pra ela...como faço. é o texto a seguir

gisela gold
www.giselagold.wordpress.com

Temperaturas


Eu sei que são três e cinco enquanto o moço pincela perfume de margarina sobre o milho quente. Meus dentes escorregam em delícia como quem entra no país de Alice.
O pianista do café da esquina arranha um jazz e o inverno me vem precoce na tua ausência.
Só agora noto que a parede descasca.
Por que a gente só ouve “My funny valentine” depois que os amores se vão...
O apetite vai comprar cigarros e não volta. Como você...
Enterro meu corpo em leituras e textos. Quem sabe os dias passam.
Autores me oferece sorrisos sem data de vencimento.
Um dia novo, num mês outro chega e eu agradeço o vizinho por aumentar o som da vitrola.“Chovendo na Roseira”... Tom Jobim me lembra o recomeço. Primaveras...
O passado pede licença e se recolhe como a boa e velha música clássica na estante, para uma tarde ser apreciado sem me depreciar.
Já não são mais três e cinco. A vida pega bicicleta e dá voltas. Abre o sol. Eu também.

Anônimo disse...

olá Srª, como tem passado?
espero que bem e cada dia melhor.
me perdoe perturbar sua tranquilidade, mas preciso muito de sua ajuda em um trabalho escolar.
trata-se da interpretação de texto sobre a obra: Verão no Aquario (Vanuza)fala sobre uma moça que durante um passeio num dia de sol relebra de sua infancia, das coisas que fazia como por exemplo quando estava na sala de visitas com o seu pai, e sentia umleve cheiro de mofo que vinha dos moveis, e vestidos negros... itens do leilão da casa da avó...
essa menina passava um produto no sapato (branco ou amarelo), e seu pai tomava as escondidas um ou vários copos de vinho, porem sabendo que sua mão não gostaria de saber disso, tratou de esconder o objeto que estava embaixo so sofa com os sapatos e as pernas cruzadas.
enfim, o trabalho foi apresentado ao mestre, que por sua vez discordou da Interpretação do referido texto e lançou uma propósta aos alunos.
entrar em contato com o Autor (a) e buscar na fonte algo que tenha mais a ver com a intenção do escritor/narrador.
Ex:
1- A personagem ja estava crescida, mas se lembrara de uma época em que tinha qual idade?(criança ou jovem).

2- O que a fez lembrar de tal periodo?

3- qual atitude ela tomou para evitar atrito entre os pais?

4- Ela usava vestido de debutante?

5- em que parte do texto fala-se sobre céu brilhante?

e muitas outras questões levantadas pelo professor em discondancia com a interpretação dos Alunos.

somos muito gratos por sua contribuição para a literature e a história do Brasil.
e aguardamos anciosamente por seu contato.

Fernando C. Almeida
E-mail: vigilantesdoasfalto@hotmail.com
felipenascimentoalmeida@hotmail.com
amandasilva780@hotmail.com
(27)8868.1741 / 9832.4763

A mente que se abre a uma nova idéia, jamais volta ao tamanho original.

Anônimo disse...

Vitória - ES - Brasil.

' Alinne Santos disse...

Adorei esse blog sobre a escritora Lygia Telles, estou fazendo faculdade de Letras e tenho um trabalho pra fazer sobre ela, e esse blog me ajudou muito!

Parabens a todos!

e muito Obrigada!!